quarta-feira, 8 de abril de 2015

Dom Helder Câmara é declarado "Servo de Deus" pela Santa Sé

Dom Helder CamaraConhecido como o “Dom da Paz”, o arcebispo emérito de Olinda e Recife dom Helder Câmara acaba de receber o título de “Servo de Deus”. A Congregação para a Causa dos Santos emitiu o parecer favorável autorizando o início do processo de beatificação e canonização do religioso. O arcebispo de Olinda e Recife, dom Antonio Fernando Saburido, concederá entrevista coletiva, nesta quarta-feira (8), às 9h, na Cúria Metropolitana, para explicar os próximos passos diante da autorização do Vaticano. 
O aval da Santa Sé foi ratificado por meio de carta enviada pelo prefeito da Congregação Causa dos Santos, cardeal dom Angelo Amato, menos de dez dias depois que o responsável pelo dicastério confirmou o recebimento do pedido de abertura do processo de dom Helder, no último dia 16 de fevereiro. A correspondência chegou à arquidiocese, na última segunda-feira, (6). Durante a entrevista, dom Saburido fará a leitura do comunicado. 
Dom Helder foi um dos maiores líderes da Igreja Católica, reconhecido por sua atuação na defesa dos direitos humanos e sociais. Dom Helder foi um dos fundadores da CNBB, em 1952, e seu primeiro secretário geral. 
O Servo de Deus nasceu no dia 07 de fevereiro de 1909, em Fortaleza (CE) e faleceu no dia 27 de agosto de 1999, em Recife, Pernambuco. Publicou 23 livros, sendo 19 deles traduzidos para 16 idiomas, recebeu 716 títulos de homenagem e condecorações, foi membro de 41 organizações internacionais e 05 nacionais, recebeu 32 títulos de Doctor Honoris Causa no Brasil e exterior, sendo 05 em Direito, e recebeu ainda 25 Prêmios da Paz. Dom Helder foi indicado quatro vezes ao Prêmio Nobel da Paz, entre 1970 e 1973. 
Fonte: Arquidiocese de Olinda e Recife

Nenhum comentário:

Postar um comentário