quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Jovens de todo Brasil se preparam para o ENPJ em Maringá


Dos mais de 600 jovens de todo Brasil inscritos no 10° Encontro Nacional da Pastoral da Juventude, muitos vão participar pela primeira vez do evento, que vai acontecer de entre os dias 8 e 15 de janeiro, em Maringá. De perto e de longe, em comum o desejo de que o encontro favoreça experiências pastorais para a evangelização da juventude. Também é a primeira vez que a atividade á realizada em uma cidade da região sul do país.

Com muitas expectativas, Aline de Sousa Muniz, 27, já está se preparando para as três horas de vôo de Duque de Caxias (RJ) até Maringá. “Espero encontrar muitos “pjoteiros” malucos que com certeza farão uma grande diferença em minha caminhada”, diz . Ela ainda tem o desejo de adquirir experiência através do contato com tão diferentes realidades. “Estou me preparando através da leitura do subsídio e da conversa com as bases. Será um belo e produtivo evento”, afirma.

Outros jovens virão de mais longe ainda. É o caso de Fernanda Sousa Ferreira, 19, que mora em Manaus (AM). Mesmo de avião, ela vai demorar um dia inteiro para chegar ao local do encontro. Mesmo assim, ela não reclama. “Participar do 10º ENPJ será a realização de um sonho“, comemora.

João Danes Ferraz, 29, da Cidade de Goiais (GO) virá com uma caravana do regional Centro-Oeste da CNBB. Serão cerca de 15 horas de viagem, sacrifício que, segundo ele valerá muito a pena, pois espera “viver um momento único na caminhada da PJ, momento de partilha, escuta e troca de experiências, de recarregar as baterias para a caminhada dos próximos anos, de sentir vivo do jeito jovem e agora no acompanhamento aos jovens, a partir da espiritualidade e encantamento” afirma.

De Nova Friburgo (RJ), Marcely Jardim da Silva, 22, vai passar cerca de 18 horas num carro em direção a Maringá. Ela espera voltar do encontro com muitos projetos e amigos na bagagem. “Quero encontrar uma galera maravilhosa, disposta a partilhar um pouco da sua cultura, da experiência de pastoral, dos desafios que encontramos pelo caminho”, diz entusiasmada.

Odair José Martins não é de tão longe, mas também está ansioso para o 10º ENPJ. Com apenas 17 anos, ele participa há cinco anos de um grupo de base de adolescentes em Foz do Iguaçu (PR). “Espero adquirir mais conhecimento, fazer novas amizades, e que seja um evento que desperte nos jovens a vontade de lutar pelos seus direitos”, pontua.

Aline Ogliari vem de Chapecó, oeste catarinense. Serão cerca de oito horas de viagem de carro até Maringá. “Ainda não tive a oportunidade de participar de nenhum encontro nacional da PJ. A expectativa é grande. Espero renovar a força, a fé na caminhada, a esperança e a certeza deste outro mundo possível que tanto sonhamos e falamos e, a partir disso, contribuir cada vez mais na caminhada dos grupos de base,” afirma a jovem.

Aline ainda diz que o encontro, com tantos outros sonhadores, também fortalece muito a fé, pois, segundo ela, dá a certeza de que existem muitos outros “loucos”, como ela se refere, que se arriscam a ousar num mundo que diz para o jovem permanecer calado.

Equipe de Comunicação do 10º ENPJ

Nenhum comentário:

Postar um comentário