quarta-feira, 30 de julho de 2014

Disponibilizado subsídio do DNJ 2014

Comissão para Juventude propõe caminho a ser seguido para a celebração do DNJ.
Comissão para Juventude propõe caminho a ser seguido para a celebração do DNJ 2014
O Dia Nacional da Juventude (DNJ) será celebrado oficialmente no terceiro domingo de outubro. Com o tema “Feitos para sermos livres, não escravos” (CAPYM, 430) e a iluminação bíblica “Eis o que diz o Senhor: Praticai o direito e a justiça, e livrai o oprimido das mãos do opressor” (Jr 22, 3a), a celebração quer dar continuidade ao trabalho da Campanha da Fraternidade deste ano. Desde já, a Comissão para a Juventude sugere que os jovens se preparem para o evento. A comissão propõe um caminho a ser seguido, que vai desde a Jornada Diocesana da Juventude, que ocorreu em maio, até o DNJ. Esse processo quer  proporcionar a unidade de todos os grupos em vista do fortalecimento da missão, levando os jovens a dar uma continuidade no trabalho de Evangelização (foto).
O Dia Nacional da Juventude
O DNJ segue uma tradição semelhante à da Campanha da Fraternidade, acentuando a dimensão social da fé, enfocando os problemas que afligem a juventude. Várias dioceses brasileiras já comemoram o DNJ. A proposta é que os assessores, coordenadores e animadores da Pastoral da Juventude utilizem o tema da Campanha da Fraternidade. O referido estudo, depois de refletido das mais diversas formas, deve culminar em uma pesquisa e mapeamento das formas de tráfico e exploração humana que se fazem presentes em cada uma das realidades específicas. O objetivo é que se tome consciência da realidade em que se está inserida cada juventude.

Sobre o subsídio do Dia Nacional da Juventude 2014
Captura de tela inteira 29072014 140939.bmp
A Comissão Episcopal Pastoral para Juventude da CNBB, lança o subsídio para o Dia Nacional da Juventude (DNJ) 2014, que tem como lema “Feitos para ser livres, não escravos”, retomando a temática do tráfico humano, abordada na Campanha da Fraternidade.
São sugeridos momentos preparativos e celebrativos, que podem ser adaptados à realidade de cada grupo, além de fomentar a reflexão e pistas de ação para o combate ao tráfico de pessoas.

Baixe o subsídio
Fonte: Jovens Conectados

Nenhum comentário:

Postar um comentário