quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Morre, aos 81 anos, o padre João Batista Libânio

Faleceu nesta manhã, 30 de janeiro, em Curitiba (PR), o Pe. João Batista Libanio. O jesuíta que completaria 82 anos, no dia 19 de fevereiro, foi vítima de um infarto. Pe. Libanio estava na cidade orientando um retiro para professores.
O jesuíta era licenciado em Teologia pela Hochschule Sankt Georgen, em Frankfurt (Alemanha), e doutor pela Universidade Gregoriana (Roma). Atualmente, atuava como professor da FAJE (Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia), em Belo Horizonte (MG). Publicou centenas de artigos em revistas nacionais e estrangeiras e mais de cem livros, entre os de autoria própria e os em colaboração. É internacionalmente reconhecido como um dos teólogos da Libertação.
O velório será realizado nesta sexta-feira, 31 de janeiro, a partir das 11h, no Auditório Dom Luciano Mendes de Almeida, na FAJE. Às 20h, no mesmo local, haverá uma oração da noite, para celebrar, com uma “memória agradecida”, a vida doada do Pe. Libanio.
No sábado, 1º de fevereiro, o arcebispo de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, presidirá uma missa no Auditório Dom Luciano. Às 14h, na Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, em Vespasiano (MG), haverá outra missa, de onde sairá o corpo, por volta das 16h para o enterro, que será às 17h, no Cemitério Bosque da Esperança.
A missa de 7º dia será no dia 5 de fevereiro, às 20h, na Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, em Vespasiano, local onde o Pe. Libanio viveu mais intensamente seu ministério pastoral.
Pe. Libanio era tão admirado por seu trabalho que um grupo de amigos e admiradores, mantém um site sobre o jesuíta. Com artigos científicos e de jornais, homilias, reflexões sobre o Concílio Vaticano II, vídeos, livros...
Em sua página pessoal no Facebook, o Pe. Francys Silvestrini Adão, sócio do provincialado do Brasil, falou sobre a importância do Pe. Libânio para a Companhia de Jesus e para toda a sociedade. “Rezemos a Deus, agradecendo o bem que Ele fez a seu povo através da vida e da missão do Pe. Libânio, que era um grande teólogo, formador, pastoralista, evangelizador das Juventudes. Que Deus o acolha, com alegria, em seu Reino!”.
Fonte: Jesuítas Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário